Malala, a garota que lutou pelo direito à educação, se forma na universidade de Oxford

A paquistanesa Malala, de 22 anos, acaba de se formar na Universidade de Oxford, que fica no Reino Unido e é uma das mais conceituadas do mundo.

Ela concluiu o corso de Filosofia, Política e Economia e comemorou no Twitter. Malala postou uma foto coberta de papel picado e espuma, e escreveu: “Difícil expressar minha alegria e gratidão ao concluir meu curso. Não sei o que está por vir. Por enquanto, será Netflix, ler e dormir”. O post teve mais de meio milhão de likes.

Quando tinha 15 anos, Malala ainda vivia no Paquistão e defendia em um blog o direito à educação para meninas em seu país, o que era proibido. Ela foi atacada e levou um tiro na cabeça, mas sobreviveu e virou o símbolo da defesa pela educação, e recebeu o Nobel da Paz.

Comenta com a gente: