Filme ‘Yesterday’ explora um mundo sem os Beatles. Mas quem foram os Beatles?

Nas últimas semanas um filme bem intrigante chegou aos cinemas. “Yesterday” conta a história de Jack Malik (Himesh Patel), um músico frustrado que resolve desistir de seu sonho após notar que ninguém gosta de suas músicas.

Porém, um dia sua vida vira de cabeça para baixo quando sofre um acidente e acorda em uma estranha realidade, onde ele é a única pessoa que se lembra da banda Beatles. Ele se aproveita da situação para usar as músicas do grupo para fazer sucesso, contudo, a fama “roubada” começa a pesar moralmente em Jack.

Brincando com essa temática bem ficção científica e até meio “Black Mirror”, “Yesterday” tem tudo para conquistar o público que é fã de comédias românticas clichês e fofas. Além disso, a obra traz um elenco muito bom, tendo até a participação do cantor Ed Sheeran.

Outro ponto interessante é como a importância dos The Beatles para a música é tratado na história. O longa mostra que, mesmo com mais de 50 anos de existência, se o grupo formado por John Lennon, Paul McCartney, Ringo Star e George Harrison surgisse hoje seria um sucesso da mesma maneira.

Mas, você sabe o motivo dos Beatles ainda serem relevantes para o mundo da música? Vem com a gente que vamos te explicar!

Para quem não conhece muito, os Beatles foram uma banda de rock britânica formada em 1960, na cidade de Liverpool, com diversos recordes de venda na história da música!

Mesmo que atualmente artistas como Ariana Grande, Beyoncé e Rihanna tenham igualado esse recorde de vendas, os Beatles ainda sim são os recordistas em questão de grupo musical. O sucesso fica perceptível quando vemos que demorou mais de 50 anos para alguém se igualar a eles!

Mas, o que torna os Beatles tão especiais?

Diferentes de muitos grupos de rock que surgiram nos anos 60, a princípio os Beatles não traziam letras com teor provocativo, isto é, não criticava a sociedade ou provocava algum presidente, ditador ou qualquer outro poderoso.

Mesmo que a música seja um ótimo jeito de levantar discussões importantes, os Beatles chegaram ao topo por falarem coisas “normais”, como amor, a vontade por festejar, etc. Ao mesmo tempo, foi essa normalidade que ajudou os fãs se conectarem com a banda, pois eles cantavam sobre aquilo que os jovens sentiam ou pensavam. Foi assim, que John, Paul, George e Ringo estouraram!

Além disso, outro ponto interessante é que cada membro possuía uma característica marcante que o diferenciava do resto da banda. Enquanto John falava mais sobre sentimentos e coisas profundas, Paul gostavam de amor e coisas banais. Já George tocava em assuntos mais espirituais e Ringo Star, o baterista, cantava sobre amizade e outros causos menos relevantes.

A estética que os Beatles causaram no mundo também foi um dos fatores mais relevantes da história. Primeiro porque, naquela época, um artista não necessariamente precisava possuir uma imagem, até por conta de não existir internet e a televisão não ser algo tão intenso. Em resumo, um músico fazia música e pronto.

Porém, a banda percebeu que o trabalhar o visual, tanto fisicamente quanto do vídeo das músicas, ajudava a tocar ainda mais o coração do público. Assim, quando a pessoa estava em casa ouvindo, poderiam de alguma forma se vestirem e agirem como eles. Visionários!

Portanto, tudo que parece óbvio para um músico sobreviver e fazer sucesso nos dias de hoje, era novidade ou inexistente naquela época. É isso que torna os Beatles tão importantes até hoje, pois foram os percussores e inspirações para diversos músicos que com certeza não existiriam atualmente se não fossem pelos quatro garotos de Liverpool!

7 músicas essenciais para conhecer os Beatles

Help!

Yesterday

Hey Jude

I Want Hold Your Hand

Something

Let It Be

Yellow Submarine

Você já conhecia os Beatles? Qual a música que mais gosta? Já foi assistir “Yesterday”? Conta para a gente!

LEIA TAMBÉM: MAISA, LARISSA MANOELA E LUARA ESTÃO ENTRE OS FINALISTAS DOS MEUS PRÊMIOS NICK 2019

E aí, gostaram?

Comenta com a gente: