Descubra a incrível trilha sonora da 2ª temporada de ‘The End of The F***ing World’

A série da Netflix “The End of The F***ing World” foi de longe uma das produções mais surpreendentes de 2017. Tanto que até o serviço de streaming ficou chocado com seu sucesso, e por isso demorou dois longos anos para lançar a segunda temporada.

A história acompanha Alyssa (Jessica Barden), uma jovem com problemas familiares em busca do paradeiro de seu pai, e James (Alex Lawther), um menino que acredita ser um psicopata. Essa temática diferentona ganhou diversos fãs, não só pelo seu roteiro emocionante, mas também por trazer uma fotografia que parece ter vindo diretamente do Pinterest e uma trilha sonora estilosa!

Aliás, a trilha sonora de “The End Of The F***ing World” é um dos pontos altos da produção. Parecido com o que foi feito em “O Mundo Sombrio de Sabrina”, as canções escolhidas misturam rock alternativo atual com faixas clássicas de artistas conceituados.

Essa união deixa a obra mais estilosa, casando perfeita com a história e sua fotografia. Além disso, muitas delas trazem letras que conseguem falar sobre o que está acontecendo na série e também o que os personagens estão sentindo.

Portanto, se você assistiu a primeira temporada e se apaixonou pelas músicas, acredite, a segunda está ainda melhor! E se você ainda não assistiu o segundo ano, mas já que saber quais canções que fizeram parte da trilha sonora, veja abaixo algumas das melhores músicas escolhidas pela produção.

Graham Coxon – She Knows

Para começarmos temos o cantor Graham Coxon, com “She Knows”, música lançada especialmente para a série. Aliás, Graham é responsável por compor as partituras e selecionar as músicas para as duas temporadas de “The End Of The F***ing World”.

“She Knows” é um pop britânico empolgante para ouvir no repeat até cansar, além de ser perfeita para escutar em dias mais melancólicos, pois pode ter certeza que ela irá melhorar o seu dia.

E para quem curte um rock alternativo, provavelmente já ouviu falar de Graham Coxon. Ele é muito conhecido como cantor e guitarrista de uma banda de rock inglesa chamada Blur, famosa pelos hits “Song 2” e “Coffee and TV”.

Trouble Is My Middle Name – Bobby Vinton

Como falamos no início do texto, a escolha por artistas mais clássicos dá um toque único para a trilha sonora da série. É o caso da faixa “Trouble Is My Middle Name”, de Bobby Vinton, um famoso cantor pop dos anos 60.

Traduzindo o seu refrão de forma literal, “Problema é o meu nome do meio”, notamos que esta é um dos exemplos que falamos no qual a música também reflete os acontecimentos da história, já que quando Alyssa e James se nem é problema na certa!

How Glad I Am – Nancy Wilson

Agora falando da vilã da nova temporada, Bonnie, a primeira música tocada no novo ano é mais um exemplo da sintonia das canções com a obra. “How Glad I Am”, da cantora Nancy Wilson, descreve perfeitamente os sentimentos da personagem, antes mesmo de sabermos quem ela é e o motivo de sua tristeza.

“My love has no bottom, my love has no top
My love won’t rise and my love won’t drop
I’m in the middle and I can’t stop loving you
And you don’t know, you don’t know”

“Meu amor não tem fundo, o meu amor não tem top
Meu amor não vai subir e meu amor não vai cair
Eu estou no meio e eu não posso deixar de te amar
E você não sabe, você não sabe”

Tell Me What You Want Me To Do – Lowell

Tell Me What You Want Me To Do”, da banda Lowell, é uma música pop que combina muito com a série, principalmente por refletir o poder e a liberdade da juventude. Ao mesmo tempo, suas batidas fogem um pouco das outras canções da trilha, já que esta é mais alegre e dançante! Claro que sua letra também fala sobre os novos episódios onde vemos James e Alyssa confusos sobre seus sentimentos.

“Tell me what you want me to say to you
You used to tell me that I’d read you like we were on a page
How can I come into it? Things just don’t work that way”

Essas são apenas algumas canções que fazem parte da trilha sonora de “The End Of The F***ing The World” e que mostram como a série tem uma grande preocupação com a sua estética, escolhendo músicas incríveis!

Já assistiu a segunda temporada de “The End Of The F***ing The World”? Também se apaixonou pela sua trilha? Conta para a gente!

Leia mais

A TRILHA SONORA DE ‘GATUNAS’, DA NETFLIX, É TÃO BOA QUANTO A SÉRIE

MONTAMOS UMA PLAYLIST PERFEITA PARA A SABRINA SPELLMAN

E aí, gostaram?

Comenta com a gente: